Menu

Criatividade derivada de repertório cultural

Gestāo, Pessoas

Criatividade derivada de repertório cultural

Criatividade derivada de repertório cultural

+ Entenda a criatividade

Acorde às 7h, medite e pratique exercícios regularmente. Se possível, tome dois cafés da manhã. Depois, tome um tempo para pensar nas questões do trabalho, mas de outro ponto de vista. Não… Não existe uma receita simples assim para a criatividade. Então, não adianta seguir dicas simples de livros ou blogs.

Tudo isso é relativo, são atividades que podem funcionar com a Maria, mas não com o João. Nunca a criatividade vai funcionar de forma igual para todos, um professor e um gerente de vendas têm visões diferentes e, por isso, a receita nunca será a mesma.

Toda essa criatividade e inovação não surgem do nada, e ninguém é brilhante a ponto de ter uma nova ideia todos os dias, não se iluda. Gênios existem apenas em histórias!

Entretanto, no processo criativo existem pontos convergentes no comportamento das grandes mentes. Entenda mais nos próximos tópicos!

 

criatividade-agencia-branding-35mm

 

+ Conhecimento desnecessário pode ser aproveitável!

Decorar a lista de parceiros da empresa, o nome dos atores da sua série favorita ou lembrar cada palavra do seu samba favorito. São informações que parecem totalmente inúteis e que não vão te ajudar a criar o projeto que tanto sonhou…

É esse pensamento que não deixa você criar e sair do lugar. Na verdade, esse pode ser o caminho para conseguirmos construir uma ideia incrível. O cérebro gera ligações através de dados da nossa memória, ou seja, quanto mais material, melhor. Assim é possível a conciliação e a criação de ideias inovadoras.

Nessa parte sim seria como uma receita, em que você sempre pode colocar um ingrediente para tornar o produto final mais original e saboroso. Buscar conhecimentos novos e ir atrás de novas culturas só acrescentam mais valor.

Inspirações também são fundamentais. J.K. Rolling, ao escrever sua obra que virou best-seller, Harry Potter, revelou que um dos personagens, o Salazar Slytherin, teve o nome inspirado no ditador António de Oliveira Salazar, que manteve mão de ferro sobre Portugal durante um período de 44 anos. Existem semelhanças entre a personalidade dos personagens. Essa não é a única inspiração da autora, seu repertório ajudou a construir a história que viralizou entre um público muito abrangente.

Referência é um direcionamento!

 

1 + 1 = 2

Ao pensar em troca de mensagens on-line, provavelmente seu cérebro já associa isso a algum aplicativo muito usado atualmente, não é? Antigamente, porém, quando havia a necessidade de se comunicar, isso era feito por cartas, e algum tempo depois por e-mail.

 

Pensou em mensagem => Lembra do e-mail = Conexão criada por uma necessidade

 

Isso mostra como nosso cérebro funciona… São duas opções: ou usa associações que já estão ali ou cria novas. É assim que surgem novas ideias brilhantes e você cria novos projetos.

Foi devido à dificuldade em se comunicar rapidamente, que Jan Koum criou o WhatsApp em 2009. Por que não criar um app extremamente prático e que não leve tanto tempo para obter resposta?

 

Referências + Necessidades = CRIAÇÃO

 

As ideias são como matemática. Tenha mais números (referências), some (veja suas necessidades) e então conseguirá chegar em um resultado satisfatório.

O psicólogo húngaro, Mihaly Csikszentmihalyi, acredita que as ideias só surgem quando o mundo também colabora. Não pode haver inibição da sociedade e os conhecimentos devem estar disponíveis para todos.

 

+ Compreenda o mundo, crie repertório

Nesse tópico a dica é simples: estude tudo que for possível, mesmo que não tenha a ver com sua área, isso pode te ajudar a desenvolver suas ideias. Se não conseguir encontrar uma cultura fútil, então pratique seu hobby.

 

criatividade-agencia-branding-35mm

 

Se seu hobby for viajar, melhor ainda. Conhecer novas histórias, artes e viver outras culturas diferentes da sua, pode ser uma forma de desenvolver sua mente.

 

criatividade-agencia-branding-35mm

+ A rotina pode ser usada a seu favor, mas às vezes é preciso abrir mão

De tanto trabalhar na mesma coisa, seu cérebro vicia e começa a operar no automático. Isso diminui as chances da criatividade, de surgir algo novo.

Alguns famosos, que até acompanhamos a rotina diariamente pelas redes sociais, criam praticamente um ritual. Alguns acordam todos os dias às 5h e cumprem à risca o que precisam fazer. Até certo ponto isso facilita o dia a dia e nos poupa de tomar decisões muito difíceis, é tudo mais ou menos programado e não existe grande gasto de energia. Estar no modo automático pode nos dar espaços para pensar em outros problemas e soluções.

No meio de toda essa rotina, é importante de vez em quando separar um tempo para si, para estar sozinho. Nesses breves momentos, conseguimos nos concentrar no que realmente importa, é quando podem surgir ideias. Tire uns minutos e observe o mundo assim como Leonardo da Vinci fez.

No meio de tudo isso, também é importante relaxar. Quando estamos muito focados em algo, nossa mente se fecha para o mundo. Crie tempo para você, para relaxar, pois esses momentos permitem que o nosso cérebro crie maior liberdade para ver informações até então ignoradas.

Entender o cérebro é a melhor forma para conseguirmos dominá-lo e possibilitar uma gama maior de oportunidades criativas.

 

Quer saber mais? Então entre em contato conosco e descubra junto conosco que a criatividade pode surgir desse processo.

Ou então siga-nos em nossas redes sociais:

 

 

 

 

 

Etiquetas:
Agência de Branding e Marketing Digital em São Paulo – 35mm
Share

This is a unique website which will require a more modern browser to work!

Please upgrade today!

UA-65834577-1