Menu

Ideias para ganhar dinheiro: o valor não está na ideia, mas na execução!

empreendedorismo, Gestāo, Gestāo de marca

Ideias para ganhar dinheiro: o valor não está na ideia, mas na execução!

Ideias para ganhar dinheiro: o valor não está na ideia, mas na execução!

 

 

Desejamos um momento de genialidade para criarmos ideias para ganhar dinheiro, não é mesmo? Pois é, amigo, vamos te decepcionar agora, porém… ideias não caem do céu!

ideias-para-ganhar-dinheiro-35mm-agencia-de-branding-marketing-digital

Mas espera aí! Leiam o que temos a dizer! Apresentaremos uma teoria, a da Startup Enxuta, para você seguir e descobrir ideias para ganhar dinheiro ao longo da execução do seu projeto. Você só precisará pôr a mão na massa e as ideias virão e, melhor ainda, com a opinião validada de seus consumidores!

 

Como funciona o processo da Startup Enxuta até a conquista de ideias para ganhar dinheiro?

 

Essa teoria se baseia no ciclo construir-medir-aprender. Quanto mais rápido um empreendimento recebe o feedback de seus clientes, mais ideias para ganhar dinheiro ela tem em mãos. Mas antes de aprender com o mercado, a empresa precisa de um produto para apresentar, certo?

 

O produto mínimo viável – MVP tem como obrigação testar as suposições e hipóteses levantadas na ideia inicial. Ele é a maneira mais rápida de se obter feedback de quem realmente importa para a startup e para quem ela de fato existe: os clientes.

 

+ MVP: métodos novos sempre recebem críticas

O MVP (leia sobre os princípios desse método aqui) quando criado carece de muitas funcionalidades e sua qualidade não é das melhores, em razão disso, recebe muitas críticas por parte dos defensores da filosofia moderna empresarial, que acreditam que todas as experiências levadas aos clientes devem estar 100% completas.

Essas críticas que o MVP recebe por parte dos defensores da qualidade extrema e do produto sem falhas partem do pressuposto que os atributos que os clientes valorizam já são conhecidos, mas isso não vale para as startups. Eric Ries, criador da teoria da Startup Enxuta, afirma que muitas vezes a startup nem sequer conhece quem de fato será seu cliente, portanto defende a ideia de que não conhecemos o cliente e se não conhecemos, não sabemos também o que é qualidade. Vocês concordam?

 

+ Do MVP rumo às ideias para ganhar dinheiro

Um MVP, mesmo que de baixa qualidade, traz informação para o desenvolvimento de um produto de alta qualidade e agiliza o ciclo construir-medir-aprender junto ao consumidor. Será mais vantajoso e trará resultados melhores se trabalharmos em cima de informações recebidas pelos clientes do que ficar formulando planos e estratégias no quadro branco sobre suposições que nem sequer ainda foram testadas. Por isso que dissemos para vocês inicialmente que ideias para ganhar dinheiro não caem do céu, elas são aprendidas ao longo da jornada empreendedora.

 

+ Casos de como empresas já enriqueceram com o MVP

Os clientes nem sempre agem da mesma forma, portanto não tem como desenhar um padrão relativo à sua percepção. As percepções dos clientes mudam. Vale lembrar ainda que muitos produtos que conhecemos hoje foram lançados com uma qualidade baixa e, mesmo assim, os clientes gostaram daquilo que receberam.

Como exemplo podemos citar a Craig Newmark (da Craiglist), que nos primeiros dias de funcionamento enviou uma newsletter muito simples aos seus clientes – o design era pobre e sem muita qualidade. Foi o início, o começo. Lembremos ainda do Groupon, lá no início (Leia sua história aqui). Se eles pensassem que duas pizzas pelo preço de uma fosse algo indigno para a empresa deles? Hoje não existiria o Groupon! Aqui no blog também já escrevemos sobre a Food on the Table, dê uma olhada aqui.

 

+ O que são produtos de baixa qualidade?

Reflitamos sobre os produtos de baixa qualidade, especificamente no caso do MVP. A startup enxuta não prega que sejam produzidos produtos ruins. O que se defende é que estejamos dispostos a deixar de lado padrões tradicionais e por em prática o processo de aprendizagem validada o mais rápido possível. Também, o que é qualidade para você pode não ser para o seu cliente!

Finalizando, também não se deve lançar um produto de forma negligenciada. Há problemas de qualidade que dificultam a evolução do produto, consequentemente o ciclo construir-medir-aprender também não obterá sucesso. A grande questão do MPV é definir as funcionalidades necessárias para se testar as hipóteses de sua ideia de negócio e deixar as demais para posterior desenvolvimento, entenderam?

 

 

Queremos ajudar você na sua estratégia de branding e crescimento da empresa. Venha tomar um café conosco e saber mais a respeito do nosso trabalho. Clique aqui!

Ou compartilhe um jeito mais empreendedor de criar ideias nas redes sociais:

Agência de Branding e Marketing Digital em São Paulo – 35mm
Share

This is a unique website which will require a more modern browser to work!

Please upgrade today!

UA-65834577-1